Contato

(67) 9.9836-3361

Endereço

R. Enoch Vieira de Almeida, 125 - Vila Célia - Campo Grande/MS

içougue® o maior Marketplace de proteínas do Brasil

*Tiago Albino

O dia era 06 de outubro de 2017, uma sexta-feira, meu aniversário de casamento e como em milhares de famílias brasileiras de classe média, eu precisava ir ao açougue comprar a “mistura” para o final de semana.

Eu e minha esposa começamos um jogo de empurra-empurra “vai você no açougue...não, vai você...” e em meio ao impasse decidimos ir os dois juntos.

No caminho a Karen, minha esposa soltou, “você desenvolve aplicativo para todo mundo, por que não desenvolve um APP para não irmos mais no açougue?”.

Bingo! Estava lançado o desafio.

Não sou filho de açougueiro, nem neto de fazendeiro, sou um típico nerd, que trabalhou a vida toda em empresas de tecnologia criando e lançando aplicativos e startups.

Enquanto estava na fila, observava as pessoas, o ambiente, as moscas e aquele sangue espalhado em cima da bancada do açougueiro. Sou de fato um amante de carnes, mas não era um cenário bonito de se ver, assunto que falarei mais abaixo.

Alí mesmo na fila, não tive dúvidas, escolher um nome e “validar” a ideia.

Comecei a olhar em volta e vendo o Ifood, Iphone e meu Ipad, pensei no “içougue®”. A pronúncia correta é “aiçougue®”.

Além disso eu tinha lido alguns Artigos da Tech Crunch e E-Commerce Brasil que recomendavam que os aplicativos que fariam maior sucesso no mundo das Startups seriam aqueles de atuassem em nicho.

Competir com o Ifood ou Rappi na “entrega de tudo” não seria uma boa alternativa, focar no nicho sim, buscando uma experiência e especialização no negócio da carne.

Virei a noite de sexta para sábado e lancei uma Página Simples (foto abaixo) que coletava CEP e Email.

Primeira versão do içougue® Delivery - Out/2017
Disparei em alguns grupos de Facebook, WhatsApp e LinkedIn e no domingo já tinha coletado 200 cadastros.

O próximo passo, foi realmente ver se essas pessoas estariam dispostas a comprar minhas carnes, então fui a uma loja do Carrefour perto de casa, fotografei os produtos e anotei os preços, montei uma lista e apliquei um markup de 20%.

Fiz alguns disparos por e-mail, WhatsApp e vualá, começaram as primeiras vendas (pasmem, no primeiro dia).

Era totalmente informal, o cliente informava os produtos que queria, eu enviava o link de pagamento online (Cartão de Crédito), ia correndo no mercado, comprava os produtos, voltava para casa, porcionava, embalava e enviava via motoboy da Loggi (empresa de entregas).

Foi animador, mas percebi que, não conseguiria criar escala e logo seria multado pela prefeitura ou algum órgão do setor, mas, já tinha validado minha ideia.

O que eu precisava? Dinheiro e uma plataforma!

Não consegui nenhum dos dois nos meses seguintes, mas, me inscrevi num Pitch Day (evento que Startups apresentam sua ideia para uma banca de Investidores).

O evento foi realizado pela Prefeitura de Guarulhos com a presença do Prefeito, Secretários de Tecnologia e Investidores Anjo da FIESP (Federação de Indústrias do Estado de São Paulo).

Resultado? O içougue® foi o projeto vencedor naquela noite.

içougue® foi o premiado da noite
Essa “projeção” de notícias que saíram na mídia me habilitaram a ser acelerado no Google Campus em São Paulo por 6 meses na Startup Farm, uma das maiores aceleradoras de Startups da América Latina, cujo um dos cases mais famosos que saíram de lá foi o Easy Taxi, posteriormente vendido ao Cabify.

Os 6 meses de aceleração me permitiram formar time, aprofundar o produto e na sequência a estratégia de “pivotar” o modelo de negócio.

Pivotar é um jargão muito utilizado no mundo de Startups para mostrar um movimento de mudança de atuação, normalmente 180 graus, e no nosso caso mudamos o foco de atendimento da empresa para vendas no B2B (Atacado).

De agosto de 2018 até janeiro de 2020, estava totalmente focado no Atacado, tendo atendido mais de 3.500 restaurantes na grande São Paulo. A plataforma estava crescendo fazendo a intermediação de vendas de carne entre Frigoríficos e Distribuidores para bares, restaurantes, açougues, lanchonetes, padarias e compradores de alto volume de carne.

Em fevereiro deste ano lançamos uma linha de crédito para pequenos lojistas chamada içougue® Bank com o produto de Nano Crédito dando aos pequenos lojistas prazos de pagamento de carnes maiores que os oferecidos pelos Frigoríficos e uma linha de até R$ 700,00 por pedido semanal para “negativados”.

Maquininha do içougue® Bank, foco nos açougues
Tivemos crescimento de 20% por semana, tudo como manda o figurino dos manuais de Startups, seria o nosso ano, não fosse a chegada do Covid-19.

Entre fevereiro e começo de março comemorávamos vendas entre R$ 100 e R$ 150 mil por dia, e de repente, TUDO parou.

No dia 10 de março já não entrava mais nenhuma venda, e então bateu o desespero, o que fazer com o dinheiro que está emprestado na praça, com o time, salários, e com a minha própria sobrevivência?

Falando com um de nossos parceiros decidimos lançar uma operação emergencial de Delivery em São Paulo com uma proposta simples e objetiva, carnes porcionadas, em porções de 500gr e 1 kg entregues em até 2 horas na grande São Paulo.

Estabelecemos um padrão com este parceiro que é base de início para replicar em todo o país, que visa produtos premium, à vácuo e apresentação e cortes impecáveis, padrão este, notado por todos os nossos clientes.

Tudo isso, fizemos pensando em resolver aquele problema que mencionei no início do texto, qualidade das carnes, desde o primeiro dia do Delivery, focamos em entregar uma experiência que de fato, surpreendesse nossos clientes e fizessem com que eles se alimentassem melhor e com um custo justo.

Kits de Carnes do içougue® no piloto em 2020.
Com meu sócio, Fernando Fernandes de Operações viramos três madrugadas para colocar a plataforma no ar, veio a primeira venda, segunda, em poucos meses já estávamos em mais de 90 cidades em todo o Brasil fazendo drop shipping (vender produtos de terceiros).

Tudo estava indo maravilhosamente bem, até começarmos a nos deparar com os problemas recorrentes de em açougues de bairro como falta de padrão, embalagem inadequada, horário de funcionamento curto, quebra de prazo de entrega etc...

O caos se instaurou.

Nesse meio tempo, compramos um freezer no escritório e começamos a encher de produtos de churrasco e revender em SP.

Deu super certo, mas o modelo não seria escalável fazendo sozinhos.

Aceleramos as ideias e criamos um formato de franquia, de “dark açougue”. Uma loja sem ponto comercial, focada 100% na venda online e entrega rápida.

Criamos marca própria, com peso padrão, porcionada, embalada a vácuo, com produtos SIF e atendimento fracionado.

Bingo. Aí aceleramos muito.

Linha de Proteínas içougue Foods
Rapidamente vendemos 65 franquias em diversos estados do Brasil, e esse modelo virou rapidamente uma loja de rua o içougue® GO!

Além destes desafios, criamos rapidamente o que chamamos de “Dark Açougue“, um modelo de Micro Franquia que pretendemos montar em todas as capitais do país vendendo os mesmos cortes porcionados e as carnes nobres.

O conceito de Dark Açougue, criado por nós, é similar ao Dark Kitchen. Este modelo você roda a sua operação de Delivery, sem a necessidade de loja física com atendimento ao consumidor, o que barateia e muito a locação de espaço comercial, pois qualquer sala ou sobreloja pode se tornar rapidamente um centro de distribuição de alimentos.

null     içougue® GO
O içougue® GO! é nossa grande aposta de omnicanalidade, pois aumenta a visibilidade da marca, traz mais segurança e maturidade ao negócio, numa loja de 20 m2.

De 2020 para cá aprendemos todo o mundo da proteína, desde a compra de gado, produção, distribuição e entrega rápida.

Nossas lojas operam todos os dias das 08:00 às 22:00 e em algumas regiões de SP entregamos até de madrugada.

Como futuro da empresa, o projeto de 2022 se tornou estabelecer o içougue® como um grande marketplace, “todas as proteínas no mesmo lugar”, o que significa? Que a partir de agora, açougues de bairro, podem se cadastrar para revender seus produtos em mais de 920 cidades onde temos clientes cadastrados.

O que buscamos com essa solução é dar visibilidade ao pequeno produtor, ampliar as vendas de açougues para competir com os mercados de proximidade.

Nova Plataforma içougue® Marketplace
Os planos são arrojados, estamos presentes em 100 pontos de venda no momento, e a meta é fechar o ano com pelo menos 400.

Quando me perguntam se o COVID-19 foi ruim para os negócios, respondo: sim para as vendas no atacado, mas sensacional para o business de Delivery, isso porque as pessoas já estão cada dia mais habituadas com as compras nos aplicativos, e agora estão começando a “perder o medo” de compra de carne pela internet.

Basicamente encontramos uma dor de muitas pessoas, compra de carnes, o fato do estar ocorrendo o isolamento social, e impulsionamos todo nosso esforço para crescer de maneira orgânica, no boca a boca.

Bom, por hora, nosso objetivo é simples, continuar crescendo 20% por semana. Algo curioso que aconteceu no meio da Pandemia é que muitos Brasileiros que moram em outros países e tem pais no Brasil, tem utilizado os nossos serviços de Delivery, o que nos faz pensar em atravessar as fronteiras de idiomas e de países nos próximos meses.

Bons negócios e fiquem bem!

null Fundador e CEO do içougue®